Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ASSOCIAÇÃO DE JOVENS INVESTIGADORES CABO-VERDIANOS

ASSOCIAÇÃO DE JOVENS INVESTIGADORES CABO-VERDIANOS

Conferência Internacional intitulada “Cabo Verde: Emigração & Género”

                                                                                                               

                                                                                                                 

                                                                                                                                 

                                                                                                                                  A história de Cabo Verde está marcada pelo securedownload.jpgfenómeno da emigração e reconhece-se a sua influência na vida social, económica e política do país. Contudo, conhece-se pouco o perfil das comunidades cabo-verdianas em termos científicos, na sua diversidade, quantidade, dispersão, grau de integração nos países de acolhimento e a sua ligação com o país de origem. De ressalvar, no entanto, a existência de alguns Estudos sobre temas conexos à Emigração cabo-verdiana, de muito interesse, mas pouco conhecidos por determinados públicos.

 De se salientar, igualmente, que se registam dados relacionados sobretudo com a área eonómica, designadamente as remessas e importações, sendo as Alfândegas e as instituições financeiras fontes privilegiadas na sua recolha. Aponta-se que a contribuição das comunidades para o PIB nacional ronda os 10%, sendo de se considerar também outras contribuições nem sempre tangíveis ou quantificáveis (transferência de conhecimentos; contribuição para reforço da democracia; promoção da cultura cabo-verdiana no mundo, entre outros).

 

O fluxo migratório cabo-verdiano tem conhecido diferentes perfis, dependendo de épocas, motivações, género, locais de partida e países de destino. Trata-se de um campo vasto de investigação e de debates. Daí que o Ministério das Comunidades (MDC) tenha lançado uma linha de Estudos em 2014 que resultou na publicação de várias obras.

 

Com o objectivo de dar continuidade a essa linha de Estudos e para um melhor conhecimento da Emigração é intenção do MDC promover um conjunto de debates de temas conexos, ao longo de 2015.

 

Assim, sendo o mês de Março considerado o mês da Mulher, o MDC realiza, nos dias 24 e 25, na Cidade da Praia – Vip Praia Hotel, das 09h00 às 16 horas, uma Conferência Internacional intitulada “Cabo Verde: Emigração e Género”, para a qual contará com profissionais residentes e da diáspora, nomeadamente Portugal, Espanha e Itália, que aceitaram partilhar os resultados dos seus Estudos e as ideias em torno do tema “Emigração/Género”. A abertura oficial será presidida por S. E. a Ministra das Comunidades, Fernanda Fernandes.

Pesquisar

 

Calendário

Março 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D